Santo Paulo Bar

São-paulinos, orgulhem-se!

Mais uma vez o seu clube saiu na frente.

O estádio do Morumbi ganhou um empreendimento à altura do maior clube do Brasil.

O bar!

Maior não é pelo tamanho, não. É pela qualidade do que se faz com um estádio do tamanho do Morumbi, que não lota seus jogos há muito tempo, e quando o faz, é porque estivemos em finais nos últimos anos.

Assim, o Morumbi tem uma nova fonte de receita, e melhor: de diversão para o torcedor Tricolor e também a todos os amantes do futebol.
O Santo Paulo Bar chegou para deixar almoços, jantares e happy-hours com um gostinho ainda melhor.

A visão que se tem do gramado é fantástica, de qualquer ponto no qual se sente:


As mesas imitam as de futebol de botão, propiciando até aquele famoso gol a gol com moedinhas enquanto não chega uma porção maravilhosa de batatinhas com alecrim. Mas se bater a vontade de bater uma bolinha, duas mesas de pebolim (Totó para os cariocas) estão à disposição em um cantinho da lateral esquerda do bar.


No outro lado, pela direita, está a sala VIP, com sofás e pufes, separados por uma porta envidraçada.

E no meio da estrutura toda, está o staff do bar, que fez festa para a gente na cozinha

(Em foto mais do que exclusiva desta blogueira xereta!), os garçons (que andam com a camisa 7), cumins (com a 5) e os dois maitres (com a 9), que terão a incumbência de tratar todos os clientes como se deve. E certamente o serviço será um diferencial.
Monitores com programação digital transmitem vídeos de todas as épocas do Tricolor. Nas escadas, placares históricos que deram títulos:

E por último, mas não menos importante, uma lojinha na frente, com produtos Coca-Cola (já que a FEMSA é um dos principais parceiros da empreitada) e também do São Paulo.


O bar abre de quarta a domingo, para almoço, jantar e happy-hour. Em dias de jogos, é preciso fazer reservas e comprar um pacote.

Que o São Paulo continue sempre assim, pensando não apenas em seus sócios, estrutura e marketing.
Mas pensando no futebol moderno, pelo qual tanto o clube tanto faz e tanto briga.